Cascais promove campanha contra a violência doméstica

4 de Dezembro de 2017
Rosaria Silva

Para assinalar o Dia Internacional para a Erradicação da Violência contra as Mulheres – o Fórum Municipal de Cascais contra a Violência Doméstica (FMCVD) lança uma campanha que terá como objetivos sensibilizar mulheres vítimas para a tomada de consciência da sua situação, para a denúncia da mesma e para a existência de recursos de apoio. Pretende também sensibilizar a comunidade em geral para esta crime público.

Uma avaliação realizada junto das vítimas de violência doméstica do concelho veio reforçar a necessidade de divulgação dos serviços especializados de apoio existentes no concelho, não apenas no interior da rede local de instituições, mas privilegiando igualmente a divulgação junto do público em geral, assegurando uma diversificação de estratégias e meios de divulgação.

É com este objetivo que o FMCVD, através do seu Plano de Ação 2016 – 2017 concretiza, entre outras medidas, a disseminação de informação sobre a temática da violência doméstica. Valoriza-se a importância de apostar na desconstrução de estereótipos e de preconceitos, no sentido de uma alteração de atitudes e comportamentos.

A informação disponível na página da Câmara Municipal de Cascais foi também reformulada a pensar na sua maior facilidade de acesso e consulta e, no final de Novembro, estará disponível uma campanha de rua (mupis).

Também a partir desta data estarão disponíveis para divulgação em serviços públicos e privados, bem como em espaços comerciais, os vídeos, folhetos e cartazes da campanha. Estes materiais poderão ser solicitados através do email – forum.violenciadomestica@cm-cascais.pt

Prevê-se que esta campanha tenha continuidade e que venha posteriormente a ser dirigida a outros públicos-alvo, nomeadamente, homens vítimas de violência doméstica e pessoas idosas.

O Fórum Municipal de Cascais contra a Violência Doméstica teve início em 2003 e conta, atualmente, com cerca de quarenta membros de organizações locais. Funciona como plataforma temática, desenvolvendo uma intervenção integrada e interdisciplinar com vista a prevenir e combater a violência doméstica.